Vôlei masculino: nova geração formada em Saquarema já é de ouro

Numa partida tensa contra Cuba, os jovens do vôlei masculino, formados no Centro de Treinamento de Saquarema, venceram por 3 sets a 1 (25 x 11, 24 x 26, 25 x 18 e 25 x 19) e trouxeram para o Brasil a medalha de ouro dos Jogos Pan-americanos de Guadalajara, no México. Foi o quarto título do Brasil na história dos Jogos. O tetracampeonato teve um sabor especial para os medalhistas. Para o levantador e capitão Bruninho e o líbero Mário Júnior, ambos da turma jovem, mas já titulares do time principal, “uma conquista como esta, alcançada por um grupo jovem assim, é muito importante porque dá confiança para nós, para a Comissão Técnica e até para os torcedores.” O oposto Wallace Souza, que se destacou na competição entre os novos talentos, avaliou: “Eu já tinha entrado em alguns jogos no time principal, mas eram jogos amistosos, bem diferentes de competições importantes como o Pan.” O espírito de renovação foi completo: até o próprio técnico Bernardinho investiu na formação de um novo treinador, transferindo o cargo para seu auxiliar Rubinho ir acumulando experiência em competições internacionais.

Logo após festejar o título numa churrascaria em Guadalajara, a seleção viajou e desembarcou em São Paulo já pensando na Copa do Mundo, a partir do dia 20 de novembro, quando estarão em jogo três vagas para a Olimpíada de Londres, no ano que vem. E o capitão Bruninho foi desembarcando e adiantando: “Estou muito motivado com mais esse título internacional e doido para chegar logo em Saquarema e recomeçar a treinar com toda a força para a Copa do Mundo.”

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

Marcelo Vignoli escreve sobre esporte para o jornal O Saquá.