Mulheres, negros e LGBT´s protestam em Bacaxá

O protesto da comunidade LGBT foi na Praça Santo Antônio em Bacaxá (Foto: Isabella Rouxinol)

Lucas Alexandrio

As manifestações na Praça de Bacaxá, cada vez mais se tornam comuns aos olhos dos moradores. Na reta final das eleições, sair às ruas é um dever cívico e uma forte expressão popular. Mulheres, homens e representantes do movimento LGBT, juntos, protestaram por condições igualitárias de vida, neste protesto que mobilizou a população saquaremense que passava no centro de Bacaxá, convidando a repensarem sobre os seus direitos.

No dia 26 de setembro, presidente do grêmio estudantil da FAETEC Yasmin Barroso reuniu um grupo de militantes que se encontrou na Praça de Bacaxá, para debater em ambiente público o que querem para um Brasil melhor e mais justo. O microfone no centro da praça, para que qualquer pessoa pudesse falar, sobre política e políticos, foi disponibilizado a todos e todas. Diversos moradores se inscreveram em meio ao evento, para protestar por algum motivo de vivência ou em busca de mudanças.

Os militantes que variavam de posicionamento político, cor, gênero, orientação sexual, religiosidade e classe social, debatiam abertamente sobre as temáticas que surgiam. Muitas pessoas passavam ao redor, paravam, olhavam e na maioria das vezes participavam. No final, sensações de paz e satisfação por um dia tão participativo para aqueles que a cada dia lutam mais para se libertar e conquistar voz política e democrática na cidade.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.