3º Presente a Yemanjá em Jaconé

A homenagem à Yemanjá vem atraindo cada vez mais pessoas a Jaconé (Foto: Aquivo O Saquá )

Pela terceira vez uma homenagem a Yemanjá será feita em Jaconé. Considerada a mãe das águas, a rainha do mar, Yemanjá é cultuada tanto na umbanda como no candomblé praticados no Brasil. De origem africana, Yemanjá é associada também aos mitos indígenas nativos que cultuam a sereia, Janaína. Em Jaconé, a homenagem vai se realizar no dia 27 de janeiro, último sábado do mês, embora no Rio de Janeiro e na Bahia o dia consagrado a Yemanjá seja 2 de fevereiro.

O evento vai começar no Porto da Roça, na Avenida Saquarema, com concentração em frente à Boutique dos Orixás, às 13 horas, de onde parte um cortejo até Jaconé, que seguirá até a Rua 86, esquina com Rua 15. Alí se junta ao cortejo inicial a imagem de Yemanjá e os balaios com os presentes rumo à praia, descendo pela Rua 96. Nas areias de Jaconé haverá então a fala das lideranças religiosas, seguida do toque dos tambores,a partir das 16 horas, e finalmente a entrega do presente, um barco com as oferendas: flores, perfumes e espelhos, que serão lançados ao mar.

O culto terá ainda um show com apresentação do Afoxé Omo Ifá, após 17 horas, com encerramento às 19 horas. Organizado pelo pai Elias de Iansã, líder religioso de Nova Iguaçu e veranista de Jaconé, o 3º Presente a Yemanjá tem o patrocínio do centro de candomblé Ylê Ashé Efon, tendo como parceiros a Boutique dos Orixás, o Bloco Unidos do Magno, Beto Morcego, O sabor da Tia Gina, Soluções Graf e Mistérios de Orunmilá. Com apoio da Prefeitura de Saquarema, da Colônia de Pescadores Z-24 e do jornal O Saquá, o ato religioso é um momento de confraternização espiritual que emociona a todos os que participam.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.