Adeus a Rossini Maraca

Maraca, a lenda do surfe em Saquarema (Foto: Revista Super Frames 2015)

Maraca, a lenda do surfe em Saquarema (Foto: Revista Super Frames 2015)

O grande surfista Rossini Maranhão Filho, o Maraca, como era conhecido, faleceu no dia 8 de novembro. Ele foi internado no Hospital Nossa Senhora de Nazareth, em Saquarema, acompanhado de sua esposa Heloisa Willon, mas não resistiu a uma hemorragia interna. Maraca foi um dos fundadores da Associação de Surfe de Saquarema (ASS) e também um dos responsáveis pela criação da Associação de Surfe de Salvador. Paralelo à vida de surfista, trabalhava como publicitário, criando anúncios, jingles e spots para o Jornal O Saquá, Intertv, Rede Globo Cabo Frio, Rádio Mix, Rádio Costa do Sol, Serramar FM, Estação 104 FM, Jornal Primeira Hora de Búzios, entre outros, tendo trabalhado como publicitário vários anos no Rio. Em Saquarema, foi colaborador e escreveu durante vários anos a Coluna Surfe Total no jornal O Saquá. Estava também com dois projetos de surfe prontos para serem executados visando dar maior visibilidade ao esporte na cidade, entre eles um filme de longa metragem que estava finalizando junto com o cinegrafista Luiz Ignácio. Com uma experiência de mais de 25 anos no ramo de eventos de surfe, Maraca deixou um legado para várias gerações de surfistas, mantendo para sempre sua assinatura nas ondas de Saquarema, o Maracanã do Surfe.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.