A grande chance de mais um “ouro” lapidado em Saquarema

Depois do Grand Prix, as meninas do vôlei agora em busca do ouro olímpico (Foto: CBV/Divulgação)

Depois do Grand Prix, as meninas do vôlei agora em busca do ouro olímpico (Foto: CBV/Divulgação)

A grande batalha está marcada para os Jogos do Rio, em agosto, mas as meninas do vôlei brasileiro já sentiram o gostinho de serem campeãs em 2016, diante de suas principais rivais: as americanas. A vitória sobre os Estados Unidos, na final do Grand Prix, em Bangcoc, veio em grande estilo. Após ter perdido o primeiro set, a Seleção Brasileira mostrou grande poder de reação para vencer as americanas por 3 x 2 e conquistar o torneio pela 11ª vez. Ao vencer as adversárias em partida emocionante, a Seleção Brasileira vai chegar às Olimpíadas mais forte e com moral para brigar pelo tricampeonato.

“Estou muito feliz pelo nosso grupo. Começamos o Grand Prix de um jeito e terminamos de outro. A nossa atitude dentro da quadra mudou e hoje estamos mais agressivas. Treinamos muito, no longo período em que estivemos no Centro de Treinamento (CT) de Saquarema, para atingirmos este resultado. Nosso primeiro objetivo do ano foi alcançado, mas ainda temos um maior pela frente, que são os Jogos Olímpicos”, festejou Natália, eleita a melhor jogadora do Grand Prix, levando para casa um prêmio de U$ 15 mil (cerca de R$ 50 mil).

“Grand Prix é Grand Prix. Olimpíada é Olimpíada”. Com esta frase, o técnico José Roberto Guimarães tentou conter a euforia após da vitória sobre os Estados Unidos. E acrescentou: “O resultado é para ser comemorado, mas não significa que o Brasil está pronto o tricampeonato no Rio. As americanas virão ainda mais fortes para o Rio”. Após 3 dias de folga, as meninas do vôlei já estão de volta a Saquarema, para acertar os últimos detalhes visando às Olimpíadas.

Vôlei de praia

A dupla Talita e Larissa conquistou o Major Series de Gstaad de vôlei de praia, na Suíça, ao derrotar a dupla americana Kerri Walsh e April Rossi, por 2 x 0. A dupla brasileira fez uma grande campanha na competição, vencendo os 7 jogos sem perder nenhum set. Logo em seguida, foi a vez da dupla Evandro e Pedro conquistar a etapa suíça do Circuito Mundial, ao derrotar a dupla americana Dalhausser (“ouro” em Londres 2012, ao lado de Todd Rogers) e Lucena, por 2 x 0.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

Marcelo Vignoli escreve sobre esporte para o jornal O Saquá.