Prefeitura declara guerra ao mosquito da dengue

A equipe da secretaria de Saúde empenhada na mobilização contra as doenças transmitidas pelos mosquitos aedes aegypti (Edimilson Soares)

A equipe da secretaria de Saúde empenhada na mobilização contra as doenças transmitidas pelos mosquitos aedes aegypti (Edimilson Soares)

As secretarias municipais de Saúde e de Serviços Públicos deu início à campanha “10 minutos podem salvas vidas”, de combate à dengue. A campanha consiste em combater o mosquito Aedes Aegypti, transmissor da dengue, da zica e da chikungunya. No lançamento da campanha, do dia 12, foi realizado um mutirão de limpeza com coleta de materiais que possam se tornar criadouros do mosquito. Esta ação será levada também a outros bairros.
Em Bacaxá, uma tenda passou o dia divulgando o combate ao mosquito, através de panfletagem e da apresentação de uma esquete teatral. À noite, na Praça do Coração, no centro de Saquarema, houve um show da Equipe Furacão 2.000, em parceria com o Governo do Estado, para a conscientização do combate ao mosquito que vem atormentado a população brasileira, provocando danos irreversíveis nas mulheres grávidas que contraem a zica, provocando microcefalia nos fetos.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.