Dia da Mulher Negra e Agricultora é comemorado no Rio Mole

A secretária Rosângela, a presidente da AMEAS Edna Calheiros, o secretário Wellington e a técnica da Emater Silvia (Foto: Edimilson Soares)

A secretária Rosângela, a presidente da AMEAS Edna Calheiros, o secretário Wellington e a técnica da Emater Silvia (Foto: Edimilson Soares)

O Dia Internacional da Mulher Negra foi comemorado na Igreja Assembleia de Deus, do Rio Mole, junto com o Dia da Mulher Agricultora. O evento organizado pela Prefeitura de Saquarema, através da Secretaria da Mulher e da Secretaria da Agricultura, Abastecimento e Pesca, com apoio da Emater-RJ, reuniu dezenas de mulheres, a maioria agricultoras do Terceiro Distrito, Sampaio Corrêa. Participaram do evento a prefeita Franciane Motta, os vereadores Matheus da Colônia e Chico Peres, a secretária municipal da Mulher, Rosangela Borges, Finanças, Luzinéia Vignoli, Desenvolvimento Social, Elisia Rangel, Agricultura, Abastecimento e Pesca, Wellington Mattos e do presidente do IBASS (Instituto de Benefícios e Assistência Social de Saquarema), ex-prefeito Jurandir Melo, entre outras autoridades.

A presidenta da Associação de Mulheres Empreendedoras Acontecendo em Saquarema (AMEAS), Edna Calheiros, fez uma palestra sobre o Dia Internacional da Mulher Negra, Latino-americana e Caribenha, comemorado mundialmente em 25 de julho, desde 1992. Membro do Conselho Estadual dos Direitos da Mulher, a professora Edna Calheiros destacou a luta e resistência da mulher negra contra a opressão de gênero, o racismo e a exploração de classe. No Brasil, além de Dia da Mulher Negra, a data é considerada Dia Nacional de Tereza Benghela, líder quilombola do Mato Grosso do Sul.
A técnica em agropecuária Silvia Gouveia falou sobre “A Mulher e a Agricultura Local”, seguida pelo zootécnico Paulo Drude, supervisor do escritório local da Emater-RJ, que abordou “As Políticas Públicas e a Mulher Agricultora”. No final, a advogada do Centro de Referência de Atendimento à Mulher, da Secretaria da Mulher de Saquarema, Dra. Elizabeth Gonçalves, destacou o trabalho de combate à violência contra as mulheres no município, que abrange as áreas jurídica, social e psicológica. No final, foram sorteados vários brindes e foi servido um coquetel.

Palavras-chave:

Sobre o autor

Dulce Tupy é editora do jornal O Saquá e da Tupy Comunicações.

Comentários

Deixe a sua opinião aqui!

Comente (Os comentários passam por moderação antes de serem publicados)