O aniversário do jornal O Saquá reflete maturidade na comunicação

Editorial - Dulce Tupy

O jornal O Saquá está fazendo 14 anos neste mês de julho. Considerado a maior mídia municipal impressa e nas redes sociais, o jornal O Saquá se colocou no mercado como um canal de comunicação privilegiado para a comunidade leitora da cidade que até então tinha poucas opções nas bancas de jornais. Com raras exceções, os jornais saquaremenses eram e são – para dizer a verdade – bastante amadores, com falhas graves de edição, um linguajar cravado por inúmeros erros de linguagem, falta de profissionalismo e uma série de deficiências até na periodicidade que é o que dá grande credibilidade aos periódicos. Os jornais em Saquarema não costumavam obedecer ao calendário e saíam nas ruas só de vez em quando, principalmente nas vésperas das campanhas eleitorais.
O jornal O Saquá trouxe então uma bem sucedida experiência de profissionalismo, devido ao alto grau de compromisso com seus leitores, advindo da experiência e criatividade de seus profissionais envolvidos em todo o processo de edição que começa na elaboração de boas pautas para as reportagens, artigos interessantes, abordagens técnicas, agilidade das notícias e grande empatia com o público que transformou essa mídia num fenômeno de massa na cidade. Quem não conhece o jornal O Saquá? Quem nunca leu o jornal O Saquá? Até os adversários da linha editorial do jornal O Saquá respeitam a sua versão, tanto no impresso como no site que frequentemente atinge altos picos de visitação, maior que todos os produzidos na internet neste município.

 

Profissionalismo
e dedicação
caracterizam o
jornal O Saquá

 
Surgido no bojo da campanha do ano 2000, o jornal O Saquá sempre procurou dar notícias relevantes sobre os candidatos nos períodos eleitorais, porém sem abandonar outros assuntos de interesse, esporte, cultura, meio ambiente, inovando com essa prática a imprensa no interior do Estado. Concebido por profissionais competentes e credenciados, o jornalismo praticado pelo jornal O Saquá é sério e conta com todo o respeito dos profissionais de comunicação, tanto do Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado do Rio de Janeiro, como da Associação dos Diretores de Jornais do Interior, da Fenaj (Federação Nacional dos Jornalistas) e da ABI (Associação Brasileira de Imprensa).
Sendo assim, só temos a agradecer aos nossos anunciantes, a maioria de comerciantes, profissionais liberais e empresários da cidade, que buscam nas páginas do jornal O Saquá as informações e os serviços que necessitam. Com edições mensais, sem nunca ter deixado de sair às ruas num único mês sequer, e com edições especiais, algumas que já até se tornaram históricas, o jornal O Saquá é um patrimônio da cidade de Saquarema, reconhecido dentro e fora do município. É um fator de orgulho para os saquaremenses que usufruem deste veículo de comunicação tão completo para os padrões de leitura do povo local, mas também admirado pelos demais leitores de todo o Estado e do país, onde suas notícias, reportagens e artigos chegam via site, facebook, goggle +, twitter e outras mídias sociais, interagindo com um grande público que ultrapassa os limites geográficos do município.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

Dulce Tupy é editora do jornal O Saquá e da Tupy Comunicações.