Água e Saneamento Básico

De acordo com a Organização Mundial da Saúde (OMS), para cada dólar investido em saneamento básico economiza-se 4 ou 5 dólares em gastos com saúde pública. O saneamento é o setor preventivo mais importante das ações de saúde. Porém, os governos insistem em investir em saúde pública em detrimento do saneamento básico.

Preservar a qualidade das águas é o mesmo que promover a saúde dos seres humanos. A política de recursos hídricos brasileira prevê que a água é um bem natural de domínio público. A água é o elemento natural, enquanto o recurso hídrico é a água como um bem econômico, passível de utilização para fins específicos. Esta é a diferença entre gestão da água, que é um bem natural, e a prestação dos serviços de saneamento básico, que incluem o abastecimento de água. A Constituição define o saneamento básico como um serviço de natureza pública de interesse local. Assim, o setor de recursos hídricos, que se ocupa do bem natural água, tem inúmeros usuários, como o saneamento básico, a agricultura, a indústria, a pesca, etc.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.