Sampaio em 4° com a mesma pontuação do 1° do Grupo A

Os últimos 15 minutos da partida foram só de pressão do Boavista tentando, ao menos, um empate diante do Duque de Caxias (Foto: Paulo Lulo)

Os últimos 15 minutos da partida foram só de pressão do Boavista
tentando, ao menos, um empate diante do Duque de Caxias (Foto: Paulo Lulo)

Com excelente vitória por 2X0 sobre o Americano, jogando em Campos, estádio Godofredo Cruz, o Sampaio Corrêa encerrou sua participação no 1° turno da Série B com 17 pontos, mesma pontuação do Bonsucesso, líder e semifinalista do Grupo A. O Sampaio não conseguiu vaga nas semifinais, porque pertence ao Grupo B, muito mais forte que o A. Os líderes do Grupo B, América e Portuguesa totalizaram, respectivamente, 26 e 24 pontos, enquanto os do Grupo A, Bonsucesso e Cabofriense fizeram, 17 (mesma pontuação do Sampaio) e 15 pontos. O saldo de gols do Bonsucesso é 5 e o do Sampaio é 6. O time saquaremense termina o 1ª turno em 4° lugar no grupo mais forte e na mesma colocação na classificação geral, englobando os 2 grupos que disputam a competição.

O Sampaio encerrou o 1° turno invicto, jogando em casa, no estádio Lourival Gomes, onde conquistou 13 pontos com 4 vitórias, por 1X0 contra o Barra da Tijuca, por 3X2 de virada, pois perdia por 2X1 contra o Barra Mansa, por 1X0 sobre o Mesquita, de goleada por 4X0, em cima do América de Três Rios, e um empate, com sabor de derrota, pois vencia o Cabofriense por 2X1, com 1 gol do seu presidente, Rômulo Gomes, e cedeu o empate em 2X2 no finalzinho da partida. Já fora de casa, sofreu 3 derrotas, de 2X1 para o Serra Macaense e o Tigres e 1X0 para o Bonsucesso. A única vitória foi de 2X0 sobre o Americano, em Campos, na última rodada.

As semifinais do turno serão dia 20 de abril, às 15 horas, entre Bonsucesso X Portuguesa e América X Cabofriense.  Os vencedores desses dois jogos farão a final no dia 27 de abril, no mesmo horário. O campeonato prosseguirá em 1° de maio, com a 1ª rodada do returno e o Sampaio jogará, no Lourival Gomes, contra o América carioca. No returno, o Grupo B, o mais forte, joga entre si, com maior dificuldade para o Sampaio. No turno, os jogos foram entre os times do Grupo A (mais fraco) e do Grupo B.

Boavista perde 2 pênaltis e o jogo para o Duque de Caxias

Pela penúltima rodada do returno (Taça Rio) do campeonato estadual de futebol, o Boavista, jogando em Bacaxá contra o Duque de Caxias, abriu o placar (1X0), perdeu 2 pênaltis, cobrados por Somália e Túlio Souza, e acabou sendo derrotado, de virada, pelo time da Baixada por 2×1. Além da perda dos pênaltis, o Boavista jogou com 4 desfalques importantes: Paulo Rodrigues e Erick Flores, lesionados, enquanto Tony e Gilcimar cumpriram suspensão pelo 3° cartão amarelo. Gilcimar é o artilheiro do Boavista com 5 gols marcados até a 5ª rodada, no empate em 1X1 com o Bangu.

A derrota para o Duque de Caxias complicou a chance do Boavista conquistar vaga na série D do Campeonato Brasileiro, já que ficou embolado com Audax e Volta Redonda, que também totalizam 19 pontos ganhos. Isto vai ficar resolvido na próxima rodada, a última da Taça Rio, no domingo, 21 de abril. O Boavista ficará na dependência de uma combinação de resultados que o coloque como 6° na geral, condição para a vaga na série D do Brasileiro. Nessa combinação, bastaria um empate do Boavista com o Resende, em jogo programado para Bacaxá, desde que o Volta Redonda perca para o Botafogo, no Raulino de Oliveira e o Audax para o Duque de Caxias, no Marrentão. Se  Boavista, Volta e Audax vencerem, a vaga na Série D será resolvida pelo número de vitórias. Permanecendo o empate, a 2ª opção é o saldo de gols.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

Marcelo Vignoli escreve sobre esporte para o jornal O Saquá.