Daniel na cova dos leões

Deus é Fiel - Vereador Kinho

Assim como Daniel, todos nós estamos sujeitos às armadilhas e artimanhas dos homens, mas Deus é fiel e nunca desampara seus filhos. Vejamos os trechos mais marcantes desta passagem bíblica (Daniel, Capítulo 6) a começar pela ardilosa tentativa de arruinar Daniel, que era ministro de confiança do Rei Dario e que jamais havia tido conduta suspeita:

“…Então, esses homens disseram: não acharemos contra Daniel nenhuma ocasião para lhe acusar”… “Todos os ministros do reino, os prefeitos, os sátrapas, conselheiros e governadores, acordaram em um conselho que promulgues um edito real e o confirmes, mandando que qualquer um, que por espaço de trinta dias, fizer uma petição a qualquer deus ou homem senão a ti, ó rei, seja lançado na cova dos leões.”…

“Daniel, pois, quando soube que o edito fora assinado, entrou em sua casa e, abertas as janelas de sua câmara, que davam para Jerusalém, punha-se de joelhos três vezes ao dia, orava e dava graças diante do seu Deus, como antes costumava fazer. Então, aqueles homens se reuniram apressadamente e acharam Daniel orando e suplicando a Deus. E foram logo diante do rei e lhe falaram do edito real… Quando o rei ouviu o assunto, ficou muito penalizado, e resolveu livrar Daniel. E até o pôr do sol esforçou-se para livrá-lo. Mas aqueles homens se reuniram apressadamente diante do rei e lhe disseram: ‘Sabe, ó rei, que , segundo a lei da Média e da Pérsia, nenhum edito ou ordenança que o rei assinar pode ser revogado’. Então o rei ordenou que trouxessem Daniel e o lançassem na cova dos leões. O rei disse a Daniel: ‘O teu Deus, a quem tu serves com perseverança, Ele te livre”.

Então o rei dirigiu-se para o seu palácio e deitou-se em jejum; levantou-se de manhã cedo, e foi apressadamente à cova dos leões, chamando Daniel e lhe disse: ”o teu Deus, a quem tu continuamente serves, pôde livrar-te dos leões?”. E Daniel respondeu: ”Ó rei Dario, vive para sempre! Meu Deus enviou Seu anjo, que fechou a boca dos leões para que não me fizessem dano, porque diante dele fui achado inocente; e diante de ti, ó rei, não fiz nada mau”. Então o rei se alegrou e mandou tirar Daniel da cova e ordenou que aqueles homens que tinham acusado Daniel fossem trazidos e lançados na cova dos leões…

Muitas das vezes nos sentimos como Daniel…

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor