Festa de Obaluaiê no terreiro de Dolores de Xangô

A mãe de santo Dolores, com a coroa e as machadinhas de Xangô (Foto: Paulo Lulo)

A mãe de santo Dolores, com a coroa e as machadinhas de Xangô (Foto: Paulo Lulo)

Dia 23 de agosto a mãe de santo Dolores de Xangô vai promover mais uma Festa de Obaluaiê em sua casa no Areal, em Saquarema. Considerado o orixá da cura, Obaluaiê é regente dos objetos que já tiveram vida, búzios, palhas e ossos. Associado ao mistério, à penumbra, ao mundo subterrâneo e aos processos de morte, doenças e epidemias, é também considerado o orixá da cura. Na liturgia da umbanda e do candomblé, Obaluaiê é homenagedo em agosto, com um banquete de comidas típicas, servidas em folhas de mamona, com farta distribuição de pipoca. Segundo a tradição afro-brasileira, é bom ter pipoca, sem sal, em casa, como elemento da cura promovida por Obaluaiê.

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.