A nova era do surfe brasileiro

Surfe Total - Rossini Maraca

Todos nós, brasileiros, queremos ver o Brasil campeão mundial indiferente do esporte: futebol, vôlei, automobilismo, judô, jiu-jitsu… E nós, surfistas, temos batalhado muito para atingir esta meta há 30 anos, esse esporte que sempre foi dominado pelos americanos, australianos e havaianos. Atualmente, o Brasil lidera o Circuito Mundial de Surf Profissional, o WCT, com Adriano de Souza e também com a fera do momento nas ondas gigantes de Jaws, em Maui, no Havaí, com Danilo Couto, o baiano que virou celebridade, pois sem ajuda de jet-ski, simplesmente na remada, ele chocou o mundo, colocando o Brasil, avassaladoramente, em destaque na mídia mundial. Assim, começamos a ser muito mais conceituados e respeitados dentro deste cenário esportivo, devido a sucessivos fatos e vitórias de vários atletas brasileiros, fazendo com que nossos oponentes pensem duas vezes antes de caírem na água, na hora das baterias das competições, pois éramos sempre desprezados, mas agora somos temidos!

Gabriel Medina é o cara!

Gabriel Medina é o cara!

No WQS também surgiram vários novos valores que herdaram as facilidades do mundo moderno: previsão do tempo via satélite, revistas especializadas, videos de surfe, roupas de borracha contra o frio e pranchas mais leves e com shapes especiais, além de aviões ultramodernos que nos levam as melhores ondas do mundo em poucas horas para instalações adequadas nos melhores points do planeta, dando oportunidade para se treinar em ondas literalmente perfeitas… Agora, dentre eles, desponta como a grande revelação, com estilo, precisão nas manobras e radicalidade o surfista, com 17 anos, Gabriel Medina, de Maresias, São Paulo. As suas últimas duas conquistas foram em Santa Catarina: Campeão no WQS Prime, em Imbituba, e o vice- campeonato de outra etapa do WQS Prime em Portugal, arrasando geral, fazendo pontuações altamente expressivas… Gabriel tem tudo para ser orgulho e honra de nossa pátria. Atual líder do ranking sul americano da ASP, é a sensação do momento! Campeão do WQS 6 estrelas, na Praia Mole, aos 15 anos, Gabriel foi campeão ISA, na Nova Zelândia, sub-18, aos 16, tendo sido ainda campeão do Quiksilver King of the Grhoms e campeão do Rip Curl Ghroms The Search, em Bells, na Austrália.

O Saquá 135 – Julho/2011

Artigo publicado na edição de julho de 2011 do jornal O Saquá (edição 135)

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

Rossini Maraca é surfista e publicitário.