Itamar, presidente do real

O ex-presidente e senador Itamar Franco, morreu aos 81 anos. Com uma carreira política que atingiu o ápice no episódio do afastamento de Fernando Collor da presidência por impeachment, o vice Itamar assumiu, garantindo a continuidade democrática. Com o Plano Real, Itamar pôs fim numa inflação que chegou a 1.100% em 1992. No entando, seu governo chegou a ser chamado de “pífio”, provocando imediata resposta de Itamar: “Tão pífio que dois dos meus ministros são, agora, um governador e outro presidente eleito”, retrucou em 1994. No cargo mais importante do país, Itamar revelou-se um homem severo no trato da coisa pública, não admitindo corrupção. Era um presidente simples, não gostava de viagens, da pompa e do glamour do cargo. Com a morte de Itamar os brasileiros perdem uma referência de homem público digno e honesto.

O Saquá 135 – Julho/2011

Nota publicada na edição de julho de 2011 do jornal O Saquá (edição 135)

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.