Câmara tem novo presidente

Mesa Diretora da Câmara Municipal de Saquarema - 2011

A nova Mesa Diretora da Câmara, com o presidente Vinícius,
o vice Gilvan e os secretários Rafael e Taeta. Fotos: Edimilson Soares.

Foi renovada a Mesa Diretora da Câmara, com a eleição do vereador Marcos Vinícius Batista, para presidente e Gilvan Martinelli de Mello, para vice. Nos demais cargos, de primeiro e segundo secretários, se mantiveram os vereadores Rafael Pinto Pinheiro e Maria de Fátima dos Santos (Taeta). Tendo tomado posse no dia 1º de janeiro de 2011, o presidente convocou uma sessão extraordinária para o dia 6 de janeiro, quando foram eleitos os membros das 6 Comissões Parlamentares.

Os membros da Comissão de Legislação Justiça e Redação são: Paulo Renato Teixeira Ribeiro (presidente), Gilvan Martinelli de Mello e Paulo Henrique Gonçalves Jesus (Kinho). A Comissão de Orçamento e Finanças é constituída por: Romacart Azeredo de Souza (presidente), Pedro Ricardo Carvalho de Oliveira e Rafael Pinto Pinheiro, membros. A Comissão de Obras e Serviços Públicos é constituída por: Gilvan Martinelli de Mello (presidente), Amarildo Carvalho de Oliveira (Orelha) e Maria de Fátima dos Santos. A Comissão de Saúde tem como presidente a vereadora Maria de Fátima dos Santos (Taeta), além dos membros Pedro Ricardo Carvalho de Oliveira e José Carlos Cabral. A Comissão de Educação, Cultura e Bem Estar Social tem como presidente Rafael Pinto Pinheiro e como membros Romacart Azeredo de Souza e Amarildo Carvalho de Oliveira. E a Comissão de Defesa do Consumidor tem como presidente Paulo Henrique Gonçalves Jesus e como membros Paulo Renato Teixeira Ribeiro e José Carlos Cabral.

O presidente  Vinícius posa para a fotografia com membros da família, a esposa Vânia Bravo Pinheiro, os filhos Magno e Matheus, a irmã, o genro e o ex-presidente da Câmara Derval que foram prestigiar a sua posse no dia 1º.

O presidente Vinícius posa para a fotografia com membros da família, a esposa Vânia Bravo Pinheiro, os filhos Magno e Matheus, a irmã, o genro e o ex-presidente da Câmara Derval que foram prestigiar a sua posse no dia 1º.

Nascido em Sampaio Corrêa, em 1967, na época áurea da Usina Santa Luzia, do falecido empresário Antônio Carlos Durvalzinho, de quem seu pai era administrador nas fazendas Jaconé e Campo Grande, Marcos Vinícius tem duas irmãs e é casado com a professora Vânia Maria Bravo Pinheiro, filha de Herval, herdeiro de uma família política tradicional do Centro de Saquarema. Filho de comerciantes, Vinícius passou a conviver com esta família de políticos locais, como o Derval, ex-presidente da Câmara e o Dr. Leomil Pinheiro, único político de Saquarema que exerceu o topo dos três poderes no município: foi juiz da Comarca, presidente da Câmara e prefeito! Do casamento com Vânia, Vinicius tem dois filhos: Magno Vinicius, 11 anos e Matheus Vinicius, 6 anos, além da filha Maria Eduarda, filha de Flávia Alves.

Criado no meio rural, Vinícius chegou em Bacaxá com a família aos 10 anos de idade, quando acabou a Usina, tendo estudado no Colégio Oliveira Viana, inicialmente, e depois no Colégio Araruama. Mais tarde, entrou para o comércio, junto com o pai Xiquinho, que tem uma loja de autopeças, na Rodovia Amaral Peixoto. Mas logo foi em busca de sua vocação, entrando para o ramo da criação de gado. Hoje, considerado um dos empresários mais bem sucedidos neste setor, além da loja de móveis, ao lado da loja de seu pai, o novo presidente da Câmara já está demonstrando seu estilo administrativo, ao ocupar novamente o confortável gabinete ao lado do Plenário Carlos Campos, deixado de lado pelo ex- presidente José Carlos Cabral, desde que foram inaugurados os novos gabinetes dos vereadores no Anexo em frente à Prefeitura, atrás da Casa da Cultura.

Atleta do futebol que chegou a jogar no Barreira, Vinícius agora faz parte do time de veteranos do Saquarema, campeão em 2010. A entrada na política foi quase por acaso, incentivado por amigos para participar do grupo político do prefeito Carlos Campos, de quem foi secretário de turismo e depois secretário de meio ambiente. Em seu terceiro mandato como vereador, Vinícius considera que a sua eleição para presidente já era esperada.

“O político que não almeja uma coisa melhor tem que parar de ser político”, considera Vinícius. “Eu acho que a presidência veio numa hora certa, agora que tenho mais experiência. Veio num momento certo da minha vida. No primeiro e segundo mandatos eu não tinha tanta experiência”, diz antes de começar a eleição dos novos membros das Comissões.

Os dois líderes Romacart, da situação, e Amarildo (Orelha) da oposição participam da apuração dos votos das Comissões.

Os dois líderes Romacart, da situação, e Amarildo (Orelha) da oposição participam da apuração dos votos das Comissões.

Câmara Itinerante

“Quero dar continuidade à gestão do Cabral e conto com a parceria dos vereadores e funcionários. Cabral sempre me espelhou, como a pessoa íntegra que é. Neste sentido, ele é considerado um pai, não pela idade, mas pela experiência, afinal teve dois mandatos como presidente da Câmara”, comenta Vinícius. “E vou tentar melhorar em alguns sentidos, por exemplo, retomando a proposta da Câmara Itinerante; levar a Câmara até os bairros é uma grande idéia, mas ninguém teve coragem ainda de fazer. Seria importante para ver o que a comunidade está precisando. Nem todo mundo pode vir à Câmara. Então, levar a Câmara até a comunidade é até melhor para o executivo trabalhar também”, conclui o presidente Vinícius. Aliado natural da prefeita Franciane Motta, Vinícius diz que tem honra de participar há mais de 10 anos do grupo político do deputado Paulo Melo.

“Eu me orgulho disso e não seria possível chegar à presidência da Câmara sem a ajuda dele. Sou sincero; ele sempre foi um parceiro! Fico muito feliz de participar do grupo e ter a amizade dele e da prefeita Franciane. Por isso acho que vai existir entre a Câmara, o Executivo e o Legislativo, uma grande parceria. A maioria dos vereadores é da situação; mesmo os da oposição sempre procuraram ajudar o governo, que é um governo que melhorou muito o município. O deputado faz tudo por esse município. Nada seria possível sem a participação dele no Estado. Eu acho que isso é que vale: a parceria, a amizade e a união de todos”, acredita Vinícius.

O Saquá 129 – Janeiro/2011

Matéria publicada na edição de janeiro de 2011 do jornal O Saquá (edição 129)

Compartilhe!
Palavras-chave:

Sobre o autor

A equipe do jornal O Saquá é formada por diversos jornalistas.